Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Voltar
Início do conteúdo da página

13/11/2015

Região Norte recebe sétima viagem do Grupo Especial de Supervisão

O Ministério da Educação iniciou na última segunda-feira, 9, a sétima viagem do Grupo Especial de Supervisão do programa Mais Médicos, que faz a supervisão pedagógica dos profissionais que atuam em locais de difícil acesso na região Norte do país. A equipe é formada por médicos da área de saúde coletiva, medicina de família e comunidade ou da área de clínica médica, vinculados a instituições que aderiram ao programa, e fará o acompanhamento nos estados do Pará, Amazonas, Roraima e Acre pelas próximas quatro semanas.

A supervisão acadêmica de profissionais atuantes no programa Mais Médicos é realizada de forma permanente, com visitas mensais. Nessas regiões, as visitas são feitas a cada dois meses e é a primeira vez que localidades de Roraima e do Acre farão parte do roteiro.

 O objetivo é aperfeiçoar a atuação dos médicos do programa, em territórios indígenas e não indígenas, a partir da qualificação da prática da clínica médica, de modo a fortalecer a atenção básica, com vistas à consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS). Além de chegar ao local de atuação do médico, a supervisão fortalece as ações de educação permanente em saúde, proposta pelas diretrizes do Mais Médicos.

O Ministério da Defesa colabora com o deslocamento das equipes, geralmente feito em aviões, barcos, balsas e carros das Forças Armadas. O grupo também conta com a parceria do Ministério da Saúde, secretarias municipais e estaduais de saúde e universidades federais e estaduais.

O grupo especial de supervisão para áreas de difícil cobertura do programa Mais Médicos para o Brasil foi instituído pela Portaria Normativa do MEC nº 28, de 14 de julho de 2015, publicada no Diário Oficial da União de 15 de julho último.

 

Saiba mais sobre as atividades de supervisão do Mais Médicos

 

voltar
Fim do conteúdo da página